Como funciona a internet rural no Brasil?

Em áreas rurais, a internet via fibra muitas vezes não está disponível, e aí? O que fazer? Como funciona a internet rural no país?

Internet rural: como funciona?

Para que a internet chegue com qualidade na casa de uma família, vários meios são usados pelas operadoras. Nesse aspecto, a conexão banda larga cabeada é uma dos mais comuns no país. Mas, em locais mais afastados dos centros urbanos, como as áreas rurais, a internet que requer cabeamento comumente ainda não está disponível.

Segundo dados do IBGE, obtidos no Censo Agropecuário mais recente, de 2017, cerca de 70% dos estabelecimentos agropecuários não têm acesso à internet, mesmo para uso no agronegócio. Com isso, a busca por meios de trazer uma internet rural com bom funcionamento é uma questão essencial desejada para melhorar a qualidade de vida de quem mora ou trabalha no campo.

Mas, afinal, como funciona internet rural e quais operadoras oferecem esse recurso? Confira mais informações abaixo e entenda mais sobre a internet rural no Brasil.

Como funciona o Wi-Fi rural?

A internet rural ou Wi-Fi rural consiste no modelo de oferecimento de internet para localidades afastadas das cidades, que podem obter uma baixa qualidade de sinal devido à sua distância e à dificuldade de oferecimento de uma rede cabeada, que, fora dos centros urbanos, possui um custo elevado de instalação.

Antes de contratar um serviço classificado como internet rural, é importante conhecer como funciona internet rural e todos os meios que podem ser oferecidos nesse sistema. As oportunidades variam de acordo com a distância do local em relação à cidade, mas as mais comuns são a internet via rádio, a internet via satélite e a internet via celular.

Conexão via satélite?

A opção via satélite é a forma de internet rural no Brasil que possibilita uma cobertura de área maior, porém com custos altos. Essa conexão é obtida por meio de uma mini antena parabólica instalada em locais mais altos, como o telhado das casas. Ela tem a função de captar o sinal que chega via satélite e transmitir para um modem dentro da residência.

A principal questão da internet via satélite é que os planos atuais estão muito distantes daqueles que são oferecidos nas cidades. Enquanto uma conexão de fibra ótica é ilimitada, com preços que muitas vezes podem ser inferiores a R$ 100,00 por mês, a conexão via satélite pode custa mais de 3 vezes esse valor com uma franquia limitada de 10 a 30 gb por mês.

Além disso, a internet via satélite tem alto ping, ou latência, significa que os pacotes de internet – como se fossem cartas enviadas de forma virtual – levam mais tempo para ir e voltar, deixando a internet menos dinâmica, atrapalhando serviços como vídeos-chamada, jogos online e atividades que envolvem dados em tempo real, como compra e venda de ações.

Em 2022 a Startlink, uma versão mais moderna da internet via satélite chegou para algumas regiões do país. A Starlink é uma grande evolução, tendo velocidades mais altas e latência mais baixa que a internet via satélite tradicional. A grande questão é o preço, uma vez que os equipamentos custam mais de R$ 5.000,00 e a mensalidade mais de R$ 700,00.

Conexão via rádio?

A conexão via rádio é outro tipo de internet encontrada no campo. O via rádio é fornecido por uma operadora local que instala torres e antenas pela região, oferecendo planos ilimitados, mas com velocidades reduzidas. Ainda é comum no país encontrar provedores que oferecem conexões com velocidades de 2 a 5 mbps, que não favorecem o uso de aplicativos de streaming, como YouTube e Netflix.

Além disso, a conexão via rádio não está disponível para todas as propriedades rurais. A área de cobertura depende diretamente da visada para as torres principais, bem como do relevo entre a propriedade e a fonte transmissora de sinal.

Conexão via celular?

A conexão via celular ocorre quando o sinal das principais operadoras do país, Vivo, Claro, Tim, Oi, é captado por um equipamento modem ou roteador de internet e transformada em sinal cabeado ou Wi-Fi. Esses equipamentos trabalham com um chip comum de celular e são facilmente encontrados em diferentes faixas de preço.

A conexão via celular oferece mais flexibilidade ao usuário, que tem liberdade para trocar de equipamento, operadora ou plano, diferentemente das internets via satélite ou via rádio, que dependem de instaladores e terceirizados. A maior dificuldade é a captação de sinal, principalmente em áreas mais afastadas das torres.

Quais são as operadoras de internet rural?

Existem várias operadoras que oferecem serviços de internet rural. Algumas que oferecem via rádio são locais, e variam a cada região. No caso da conexão via satélite, empresas como HughesNet Brasil, ViaSat e Vivo possuem planos com preços e franquias para diferentes necessidades. Já as operadoras via celular são aquelas mais conhecidas, que oferecem planos para celulares também.

Quanto custa uma internet rural?

O custo da internet rural é variável, pois cada proprietário poderá gastar mais ou menos a depender do local da propriedade em que a internet vai ser instalada, a região como um todo, a operadora escolhida, o plano, dentre outros. O plano ilimitado da Oi, por exemplo, permite conexão via celular em áreas rurais por uma mensalidade de R$ 99,00. Já os equipamentos, podem variar de 300 a 600 reais, dependendo do tipo de sinal e da necessidade de uma antena externa de alto ganho.

De forma geral, enquanto as internets via satélite e via rádio tem custos fixos, a internet via celular oferece mais possibilidades, inclusive com o uso de chips do tipo pré-pago, quando o consumo de internet da família for pequeno e limitado a aplicativos de mensagens, como o WhatsApp.

Internet rural: Fuga pras Colinas

Por fim, entender melhor qual é o melhor formato de internet rural para a sua vivência no campo requer uma análise única em relação ao local em que a internet será usada, a distância e extensão da propriedade, dentre outros fatores relacionados. Para os que desejam saber mais sobre como é essa experiência e entender mais detalhes sobre como funciona a internet rural diretamente do campo, vale acessar o canal, do Fuga pras Colinas​ e conferir as dicas postadas por lá.

Se quiser uma análise gratuita das possibilidades de internet rural na sua propriedade, é só preencher esse formulário: AJUDA COM INTERNET RURAL. Já ajudamos mais de 15.000 famílias no campo a ter uma melhor conexão à internet e vamos ajudar você também!

E se quiser visitar nossa loja para conhecer algumas alternativas de internet rural que disponibilizamos, tá fácil! Só clicar aqui: LOJA DO FUGA. De repente a gente já resolve essa conexão na sua propriedade agora mesmo!

Deixe um comentário